0

Meu Carrinho

R$ 0,00
Cookies: a gente guarda estatísticas de visitas para melhorar sua experiência de navegação. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Psyllium 500 mg em Cápsulas.

0 opiniões
Ref: 1048

Cápsulas

* Campos Obrigatórios

De: R$ 49,60

Por: R$ 39,60

3x de R$ 13,20 sem juros
ou R$ 35,64 no boleto bancário Mais formas de pagamento
133

    Descrição

    O que é?


    Psyllium, também conhecido pelo nome botânico Plantago ovata ou Plantago psylium, ou ainda pelo nome popular de Ispaghula é uma planta rica em fibras alimentares – cerca de 70 g de fibra solúvel em 100 gramas de Psyllium - nativa de regiões do Oriente médio. Além disso, possui em sua composição mucilagens que são usadas na indústria alimentícia como agente de consistência e para formação de géis.


    O Psyllium Quallitá, age como auxiliar na digestão e tem propriedades laxativas, contribuindo para a evacuação intestinal. Apresenta também a capacidade de reduzir o colesterol sérico total, diminuindo o LDL e aumentado o HDL.


    Como age no corpo


    Psyllium normaliza o tempo de trânsito intestinal, aumentando ou diminuindo este tempo, conforme a necessidade. Favorece o amolecimento das fezes e reduz a necessidade de esforço para a evacuação, atividade muito útil em casos de hemorroidas. Devido a sua digestibilidade, as fibras alcançam o cólon, praticamente inalteradas, causando aumento do volume de conteúdo colônico com consequente ativação da motilidade propulsora.


    É indicado para obstipação crônica, agindo como coadjuvantes da evacuação intestinal em casos de hemorroidas, gravidez, convalescença, períodos pós-operatórios e senilidade. O uso de Psyllium retarda tanto o esvaziamento gástrico, como a absorção de glicose a partir do intestino delgado.


    Psyllium tem ação laxativa suave, pois capta água e aumenta o tamanho do bolo fecal. Em estudos realizados demonstrou também possuir a propriedade de reduzir o LDL (colesterol ruim) e aumentar o HDL (colesterol bom). Quando ingerido antes das refeições pode reduzir o apetite, proporcionando um atraso no esvaziamento gástrico e aumentando a sensação de saciedade. Psyllium também tem a função de ligar-se às moléculas de carboidratos simples impedindo sua absorção a nível intestinal.


    Como age?


    A alimentação do homem moderno tem cada vez menos espaço para fibras e cada vez mais espaço para gorduras saturadas, condição que além de contribuir com a epidemia de obesidade que vivemos, aumenta drasticamente o risco de doenças cardiovasculares e de outras doenças como o diabetes, por exemplo. Estudo de 2010 afirma que o consumo de fibras reduz glicose, insulina e grelina, reduzindo assim a quantidade de açúcar circulante e a sensação de fome.


    As mucilagens presentes na composição do Psyllium absorvem considerável quantidade de água, aumentando o volume fecal que por sua vez aumenta o lúmen intestinal. Seus efeitos ultrapassam o âmbito intestinal. Retardando tanto o esvaziamento gástrico como a absorção de glicose a partir do intestino delgado. Seus óleos também favorecem a propriedade laxativa. Psyllium favorece o amolecimento das fezes e reduz a necessidade de esforço para evacuação, atividade muito útil em casos de hemorroidas.


    Estudo publicado em 2008 afirma que mulheres pós-menopausa se beneficiam do uso de Psyllium, pois nesse estudo que contou com 11 voluntárias por 6 semanas, obtiveram melhora em seus parâmetros sanguíneos de colesterol, o que é de grande auxílio na diminuição do risco de doenças cardiovasculares. Estudo realizado em 2007 por 6 meses com 141 pacientes hipertensos e com sobrepeso concluiu que Psyllium foi capaz de auxiliar no gerenciamento de peso, na diminuição dos níveis de colesterol e glicemia e como adjuvante na estabilização da pressão sanguínea.3


    Os resultados e indicações são avaliados e comprovados pelo fabricante e baseados nos estudos das ações do mesmo, descritos na literatura.


    Principais indicações


    Segundo os farmacêuticos da Quallitá este produto é indicado para:


    Aumento da sensação de saciedade, auxiliando no emagrecimento;
    Melhora da motilidade e equilíbrio intestinal (trânsito intestinal);
    Diminuição da absorção de gorduras e açúcares;
    Auxílio na redução de peso e diminuição do risco de doenças cardiovasculares;
    Auxiliar no controle do Colesterol; 
    Eficaz no tratamento da Colite, diabetes, diarréias, hipertensão, inflamação da pele e úlceras.


    Literatura


    1.Informe técnico do fornecedor Purifarma;
    2.Batistuzzo, José Antônio de Oliveira, et al. Formulário Médico Farmacêutico. 4ª edição, São Paulo: Pharmabooks Editora, 2011.
    3.Cícero AF et al. Clin Exp Hipertens 2007; 29(6):383-94.

    Composição

    Psyllium                             500 mg
    Excipiente qsp 1 cápsula vegetal
    Validade: 4 meses.


    Os resultados e indicações são avaliados e comprovados pelo fabricante e baseados nos estudos das ações do mesmo, descritos na literatura. Não os garantimos, visto que, eles variam de indivíduo para indivíduo e dependem de vários fatores como: hábitos alimentares, exercícios, patologias pré-existentes e do uso do produto, seguindo a posologia indicada.

    Modo de Usar

    Modo de uso
    Sugestão de modo de usar: tomar 1 (uma) à 2 (duas) doses 30 minutos antes das principais refeições 2 vezes ao dia, com pelo menos dois copos de água bem cheios, para a hidratação completa e expansão do Psyllium, ou conforme orientação de um profissional habilitado.


    Pode acontecer de, tanto pela quantidade, quanto pela densidade dos produtos, a fórmula encomendada apresentar mais de 1 (uma) cápsula por dose. Se isso ocorrer, será informado no rótulo a quantidade correta de cápsulas a serem tomadas.


    Os resultados e indicações são avaliados e comprovados pelo fabricante e baseados nos estudos das ações do mesmo, descritos na literatura. Não os garantimos, visto que, eles variam de indivíduo para indivíduo e dependem de vários fatores como: hábitos alimentares, exercícios, patologias pré-existentes e do uso do produto, seguindo a posologia indicada.

    Advertência

    Efeitos adversos


    Pode ocorrer a formação de gases e flatulência, mas estes sintomas desaparecem após algumas semanas.


    Precauções


    Como o efeito laxante se dá pela absorção de água a nível intestinal, deve-se elevar o consumo de líquidos durante o uso de Psyllium. - Caso surgirem reações indesejáveis, suspender o uso. - Psyllium quando misturado a líquidos deve ser ingerido imediatamente pois o aumento de volume da mucilagem deve ocorrer nos intestinos.


    Recomendações gerais importantes. Leia antes de usar:


    1.  Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado;
    2.  Imagens meramente ilustrativas
    3.  Este medicamento não deverá ser partido ou mastigado;
    4.  É recomendável dieta equilibrada e exercícios físicos para auxiliar a redução de peso;
    5.  Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto;
    6. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico
    7. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido;
    8. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem;
    9. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças;
    10. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica;
    11. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica;
    12. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica;
    13. Este medicamento não deve ser utilizado durante o período de amamentação sem orientação médica;
    14. Respeite a dose diária recomendada.
    15. Venda mediante prescrição do profissional habilitado.
    16. "SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”


    “Não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um especialista.”
    "O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário à informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto" RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.”
    “Venda sob prescrição de profissional habilitado, de acordo com a Resolução 586/2013 do Conselho de Farmácia. Nossos farmacêuticos estão habilitados para prescrição farmacêutica. Consulte-nos”

    Formas de Pagamento

    Boleto Bancário

    no Boleto/Transferência

    Cartão de Crédito
    Nº de parcelas Valor da parcela Juros Valor do Produto